Ossos: Como deixá-los mais saudáveis

  • por
ossos

Para Ossos? Feijões (leguminosas): 

Para os ossos: Embora os feijões contenham cálcio, magnésio, fibras e outros nutrientes, eles também são ricos em substâncias chamadas fitatos. Certamente os fitatos interferem na capacidade do seu corpo de absorver o cálcio contido nos grãos. Assim você pode reduzir o nível de fitato mergulhando os grãos em água por várias horas e depois cozinhando-os em água doce.

Para ossos? Carne e outros alimentos ricos em proteínas: 

É importante obter o suficiente, mas não muita proteína, para a saúde óssea e a saúde geral. Então muitos idosos não recebem proteína suficiente em suas dietas e isso pode ser prejudicial aos músculos e ossos. No entanto, dietas especiais com alto teor de proteínas que contêm várias porções de carne e proteína a cada refeição também podem fazer com que o corpo perca cálcio. Você pode compensar essa perda obtendo cálcio suficiente para as necessidades do seu corpo. Por exemplo, produtos lácteos, embora ricos em proteínas, também contêm cálcio que é importante para ossos saudáveis.

Alimentos salgados: 

Comer alimentos com muito sal (sódio) faz com que seu corpo perca cálcio e pode levar à perda óssea. Tente limitar a quantidade de alimentos processados ​​e sal adicionados aos alimentos que você come todos os dias. Para saber se um alimento é rico em sódio, consulte o rótulo de Informações nutricionais. Se listar 20% ou mais para o% Daily Value, é rico em sódio. Procure obter 2.400 mg ou menos de sódio por dia.

Para Ossos? Espinafre e outros alimentos com oxalatos: 

Seu corpo não absorve bem o cálcio de alimentos ricos em oxalatos (ácido oxálico), como espinafre. Outros alimentos com oxalatos são ruibarbo, beterraba e certos feijões. Esses alimentos contêm outros nutrientes saudáveis, mas não devem ser considerados fontes de cálcio.

Farelo de trigo: 

Como o feijão, o farelo de trigo contém altos níveis de fitatos, o que pode impedir que seu corpo absorva cálcio. No entanto, diferentemente do feijão, 100% de farelo de trigo é o único alimento que parece reduzir a absorção de cálcio em outros alimentos consumidos ao mesmo tempo. Por exemplo, quando você tem leite e 100% de cereal de farelo de trigo juntos, seu corpo pode absorver parte, mas não todo, do cálcio do leite. O farelo de trigo em outros alimentos, como pães, é muito menos concentrado e provavelmente não terá um impacto perceptível na absorção de cálcio. Se você toma suplementos de cálcio, pode tomá-los duas ou mais horas antes ou depois de comer 100% de farelo de trigo.

Álcool: 

Beber muito pode levar à perda óssea. Limite o álcool a não mais que 2-3 bebidas por dia.

Cafeína: 

Café, chá e refrigerantes (refrigerantes) contêm cafeína, o que pode diminuir a absorção de cálcio e contribuir para a perda óssea. Escolha essas bebidas com moderação.

Café / chá: 

Beber mais de três xícaras de café todos os dias pode interferir na absorção de cálcio e causar perda óssea.

Refrigerantes:

Alguns estudos sugerem que colas, mas não outros refrigerantes, estão associados à perda óssea. Embora mais pesquisas nos ajudem a entender melhor a ligação entre refrigerantes e saúde óssea, eis o que sabemos – a carbonatação dos refrigerantes não causa danos aos ossos. A cafeína e o fósforo comumente encontrados nas colas podem contribuir para a perda óssea. Como o cálcio, o fósforo é uma parte dos ossos. Ele é listado como ingrediente em colas, alguns outros refrigerantes e alimentos processados ​​como “fosfato” ou “ácido fosfórico”. Alguns especialistas dizem que os americanos consomem muito fósforo, enquanto outros acreditam que não é um problema desde que as pessoas consigam cálcio suficiente. O dano aos ossos pode realmente ser causado quando as pessoas escolhem refrigerantes em vez de leite e bebidas enriquecidas com cálcio.

Além do cálcio e da vitamina D, existem outros nutrientes que parecem ser importantes para a saúde óssea. Nossos corpos se saem melhor quando fornecidos nutrientes ao longo do dia. Tente comer um pouco em cada refeição ou lanche.

ossos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.